1º de outubro dia Internacional do Café


Minas só tem o que comemorar!


Estado mineiro lidera produção nacional, com exportação para cerca de 90 países e faturamento de R$ 3,23 bi em 2018

Nesta terça-feira (1/10), é comemorado o Dia Internacional do Café. A data foi criada pela Organização Internacional do Café (OIC), órgão que reúne governos de países exportadores e importadores para pensar os desafios do setor cafeeiro mundial por meio da cooperação internacional.


Como principal estado produtor, Minas Gerais tem muita história para contar, desde o aumento significativo da produtividade nas últimas décadas, o avanço no uso de tecnologias, passando pela mudança de comportamento em relação ao hábito de consumir a bebida até a conquista de mercados com a produção de cafés certificados.


De acordo com o Mapeamento do Parque Cafeeiro, realizado pelo Governo de Minas, a cafeicultura está presente em 463 municípios (55% do estado), que possuem lavouras consideradas comerciais. Aliado às condições favoráveis de clima e solo e à ligação histórica e cultural que o mineiro tem com o ‘cafezinho’ está um trabalho consistente desenvolvido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e suas vinculadas (Emater-MG, Epamig e Instituto Mineiro de Agropecuária – IMA), para a consolidação da cafeicultura como fonte de renda de famílias e municípios até se transformar no principal produto de exportação do agronegócio mineiro. No ano passado, o café mineiro foi exportado para 87 países, gerando divisas no valor de R$ 3,23 bilhões.


Fonte: Agencia Minas

TEL (32) 3722-4466